Loan English     Empréstimo Hoje, Empréstimo Agora, Empréstimo Já - Português

Empréstimo

Escrito pelo Editor do Empréstimos Hoje, Empréstimo Agora, Empréstimos Já!

Empréstimo - Definição

O que é um empréstimo? Qual a definição correta da palavra empréstimo?

Na internet é possível se encontrar várias informações a respeito de empréstimos. Esse artigo tenta esclarecer exatamente a definição de um empréstimo, além de tentar passar uma panorâma geral do mercado de empréstimos no Brasil.

Um empréstimo é um tipo de dívida. O empréstimo é em compromisso entre duas partes de que um determinado bem seja ele um livro ou um valor monetário será emprestado ao devedor pelo credor do empréstimo.

Pode-se dizer que um empréstimo é um serviço de empréstimo.

Um empréstimo tem estipulado em prazo de início e de fim do serviço. O prazo do empréstimo pode ser decidido pelas partes de forma livre.

Geralmente o empréstimo é realizado através da assinatura de um contrato de empréstimo.

O devedor recebe o bem emprestado, geralmente após a assinatura do contrato de empréstimo.

O credor cobra um prêmio para a realização do empréstimo, geralmente através de uma taxa de juros que incide sobre o valor monetário emprestado.

As instituições financeiras são as principais fomentadoras dos empréstimos. Elas são responsáveis pela disponibilização de empréstimos. Geralmente elas são controladas pelo Banco Central do país, orgão que dita as principais regras sobre os empréstimos.

As taxas de juros dos empréstimos é definida através da lei da oferta e da demanda, na maioria dos países. Algumas modalidades de empréstimos possuem regras deterimadas pelos bancos centrais, que pode estipular uma taxa de juros padrão para alguns tipos de empréstimos que são oferecidos através de recursos de fundos, como por exemplo Poupança e FGTS.

Muitos empréstimos são concedidos pelas instituições financeiras após uma análise detalhada vida financeira dos possíveis devedores. Porém, existem empréstimos que são concedidos sem consulta de possibilidades de pagamentos. Estes são empréstimos concedidos à baixa renda, geralmente denominados micro-crédito.

Empréstimos no Brasil

Historicamente, os empréstimos no Brasil são fornecidos pelos bancos. Os bancos têm poder decisório sobre a quantia emprestada e os juros que serão aplicados através de análise da vida financeira do possível tomador do empréstimo.

As principais regras sobre empréstimos são regulamentadas por portarias do Banco Central do Brasil. O papel do Banco Central do Brasil é cuidar da saúde do sistema financeiro, evitando abusos, fraudes e crises sistêmicas.

Nos últimos anos houve uma proliferação de Financeiras oferecendo empréstimos, em várias modalidades:

  • Empréstimo sem consulta - é o empréstimo onde qualquer pessoa tem um limite pré-aprovado de crédito independente de sua renda desde que atenda à alguns pré-requisitos da financeira.
  • Empréstimo consignado - é o empréstimo onde os débitos das parcelas serão realizados diretamente no salário do tomador do empréstimo.
  • Empréstimo Crédito Rotativo - é oferecido em cartões de supermercados e lojas de departamentos - através de uma financeira.
  • Empréstimo Online - É o empréstimo onde a financeira já oferece uma linha de crédito ao possível tomador de empréstimo.
  • Outros tipo de empréstimo - são empréstimos criados conforme as necessidades do mercado. As financeiras possuem muita criatividade na formatação de novos empréstimos.

Também existe no mercado de empréstimos no Brasil o famoso "agiota". Esse cidadão empresta aos "conhecidos" uma determinada quantia e cobra juros extorsivos - porém não muito acima dos praticados pelos bancos e financeiras, que também são extorsivos. A vantagem para o tomador do empréstimo é que o "agiota" consulta poucos dados do tomador do empréstimo, concedendo rapidamente o empréstimo. A desvantagem, bem, a desvantagem o tomador do empréstimo só descobre se um dia ele não puder pagar a parcela do empréstimo ao "agiota"...

A prática de "agiotagem" no Brasil é proibida. Empréstimos somente podem ser concedidos por instituições financeiras. Isso é para defender o cidadão.

Curiosamente as taxas de juros nos empréstimos cobrados pelas insituições financeiras são abusivas e extorsivas. Alguns empréstimos são concedidos em condições piores do que o empréstimo concedido pelo agiota. E o governo finge que nada vê.

Juros dos Emrpéstimos

Uma pessoa que possui um bom histórico financeiro e uma boa capacidade de pagamento consegue taxas a partir de 3% ao mês no empréstimo / crédito pessoal. Isso dá quase 40% ao ano, um verdadeiro absurdo.

Alguns empréstimos são concedidos com taxas que chegam a 200% ao ano.

As taxas de juros mais baixas para os empréstimos estão relacionadas ao empréstimo para financiamento imobiliário.

Principais Tipos de empréstimos

  • Empréstimo Consignado
  • Empréstimo rotativo
  • Empréstimo pessoal
  • Empréstimo para Fianciamento Imobiliário
  • Empréstimo para Fianciamento de Veículos
  • Empréstimo para Fianciamento de Outros Bens
  • Empréstimo para Fianciamento para Construção
  • Empréstimo para Fianciamento para Compra de Terrenos