Empréstimo para beneficiários do auxílio emergencial. Saiba como solicitar

A Caixa Econômica Federal disponibilizará empréstimos de até R $ 1.000 após o término do pagamento do auxílio emergencial no final deste mês. De acordo com o banco, será liberado um total de 10 bilhões de reais, que será concedido aos cidadãos que pretendem abrir ou investir em algum negócio.

Um dos principais motivos para a liberação de crédito é apoiar os brasileiros depois do fim do auxílio emergencial, além de ser uma estratégia bancária para o crescimento do banco nos próximos anos.

De acordo com informações da Caixa, a meta é que pelo menos 10 milhões de empreendedores possam se beneficiar com os empréstimos.

As condições de concessão de microcréditos aos empresários serão concedidas após o término do auxílio emergencial, com valor máximo de 1.000 reais e prazo de pagamento de três a cinco anos. A taxa de juros não foi informada pela Caixa. No entanto, o banco disse que será mais fácil obter do que outros empréstimos no mercado.

Se a demanda pelo novo formato for boa, a Caixa Econômica Federal já estuda aumentar para 25 bilhões de reais o valor destinado a essa nova modalidade, mas ainda não foi anunciado oficialmente pelo governo.

O banco aguarda o término do auxílio emergencial e continua liberando saques que vão até o dia 27 de janeiro para a liberação do microcrédito.

O valor do empréstimo pode ter reajuste

Recentemente, a Caixa Econômica Federal anunciou que aumentaria o valor dos empréstimo para R$ 2000. Além disso, quando falamos em juros do crédito pessoal, a taxa de juros é bastante atrativa, variando entre 1,5% e 2,5% ao mês.

O auxílio emergencial acabou?

Até agora, mesmo que o Congresso Nacional exerça pressão diária para expandir os benefícios, o Governo Federal não deverá estender mesmo o auxílio emergencial. Para a equipe econômica, não há dinheiro para continuar pagando os benefícos, pois desde o ano passado o governo está com um déficit que passou de R$ 124,1 bilhões no início de 2020 para R$ 844 bilhões na pandemia, depois do decreto de calamidade pública.

Com o auxílio emergencial de estados, municípios e população em geral, as medidas para enfrentar a crise provocada pela pandemia covid-19 chegaram a 600 bilhões de reais, após a desaceleração econômica, a receita foi reduzida em cerca de 20 bilhões de reais. O déficit restante é coberto pelos gastos do governo.

Fim do auxilio emergencial

Como funciona empréstimo para microempreendedores da Caixa

Inicialmente, a proposta era conceder créditos de até mil reais. No entanto, o valor agora foi aumentado para R $ 2.000. Portanto, essa abordagem permitirá que pessoas de baixa renda obtenham empréstimos sem burocracia e com taxas de juros baixas, com taxas de juros variando de 1,5% a 2,5% ao mês.

Além disso, prevê-se que o recrutamento seja realizado de forma prática, simples e segura através do app e também da conta social digital geridas através do app Caixa Tem. Por fim, a Caixa vai lançar outras linhas de microcrédito, mas com valores menores. Além do crédito, você também pode acessar produtos como títulos de capitalização que também são comercializados no Caixa Tem.

Quando o empréstimo será liberado?

Embora não tenha sido definida uma data exata para o lançamento, a operação deverá ocorrer por volta de março de 2021.

Em entrevista à CNN, Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, afirmou ainda que “espera-se que os empréstimos, sirvam cerca de 10 milhões de microempreendedores e cidadãos de baixa renda”.

O presidente continuou: “Temos uma política estratégica de dois anos. Mas falta um instrumento digital, que foi criado para o auxílio emergencial, o aplicativo Caixa Tem.

Além disso, quem estiver interessado no empréstimo para microempreendedores, pode se cadastrar e ser avaliado. Caso tenha dívidas é recomendado negociá-las antes, pois sem restrições, o crédito é liberado mais facilmente.

Sem mais, o valor disponível para cada cidadão será avaliado individualmente. Se o cidadão puder pagar 4000 reais, o empréstimo deverá liberar um valor maior.

Quem recebia o auxílio poderá ter acesso ao empréstimo fácil da Caixa

A Caixa Econômica Federal fornecerá empréstimos aos beneficiários do auxílio emergencial. Isso porque o banco abriu milhões de contas de poupança social digital quando o auxílio foi pago. Ou seja, estão em nome de brasileiros que o governo até agora considerou “invisíveis”.

É por isso que o banco prevê abrir o empréstimo para o grupo.

O programa de microcrédito foi lançado em 2021. As contas digitais abertas para assistência emergencial serão mantidas. Essa opção deve estar disponível no primeiro trimestre deste ano.

Empréstimo pelo Caixa Tem vai ser sem consulta ao SPC e Serasa?

A empresa revelou que a plataforma Caixa Tem vem sendo utilizada hoje para liberar diversos benefícios, como Bolsa Família, auxílio emergencial, FGTS Emergência, entre diversos outros benefícios que passarão a integrar a plataforma, além de fornecer microcrédito para beneficiários do auxílio emergencial.

Desde então, tem havido muitos relatos sobre a liberação de empréstimo pela plataforma, mas … a liberação do empréstimo não consultará agências de proteção ao crédito como SPC e Serasa?

Infelizmente, se seu nome estiver com alguma restrição, não será possível solicitar o empréstimo pelo Caixa Tem. O ideal é limpar o nome antes de solicitar o microcrédito.

Os cidadãos inadimplentes da Caixa Econômica Federal poderão utilizar o “Você no Azul Caixa”, procedimento que permite renegociar dívidas com o banco com desconto significativo.

Segundo a Caixa, o desconto pode chegar a 90%. O banco informou ainda que a maioria dos inadimplentes tem dívidas de até R $ 3.000, que podem ser negociadas em até R $ 50 com base no desconto obtido.

Funcionalidades do Caixa Tem

Por meio do Caixa Tem, as pessoas podem fazer compras na Internet por meio de um cartão de débito virtual gerado gratuitamente pelo aplicativo.

Você também pode usar a tecnologia QR code para compras comerciais. Este recurso é gerado pelo próprio lojista na máquina do comerciante.

Além disso, quem tem conta na Caixa pode consultar o saldo e o extrato, com pagamentos e transferências de até R $ 600 por transação. O limite diário é de R $ 1.200.

Funcionalidades do aplicativo Caixa tem

Quais as novas funções do app Caixa Tem?

A primeira novidade do app é o “seguro pensão alimentícia”, que está disponível na plataforma desde o final de outubro. Com ele, os correntistas da Caixa Tem podem assinar seguro para cobrir funerais que podem morrer por qualquer causa, inclusive Covid-19. Em caso de morte acidental, a seguradora também arcará com três meses de despesas básicas e mais 2.000 reais para ajudar familiares. Além disso, este contrato de seguro permite que você concorra a prêmios mensais de 20.000 reais.

Empréstimo para beneficiários do Bolsa Família

Outro empréstimo que está sendo estudado pelo governo federal é a possibilidade de conceder um empréstimo entre R $ 500 e R $ 1.000 aos cidadãos que recebem Bolsa Família.

Um dos motivos que possibilita às pessoas com Bolsa Família obterem o microcrédito, é o apoio às famílias que recebem auxílio emergencial que terminou em janeiro de 2021.

O governo está analisando a possibilidade de empréstimo, o governo está tentando determinar a fonte de financiamento do microcrédito, independentemente se a fonte é o governo federal ou mesmo a Caixa Econômica Federal. O orçamento inicial do plano não deve ultrapassar 2 bilhões de reais.

Caso o governo opte por utilizar recursos orçamentários para o plano, a ideia é organizar o fundo de acordo com o modelo do Pronampe (Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte).

Deixe um comentário